Consórcio de Moto x Financiamento: Qual a melhor escolha?

consórcio de moto

Está considerando comprar uma moto e deseja saber qual a melhor escolha para realizar o pagamento? O mercado nos oferece opções como o financiamento e o consórcio de moto, sendo essas as modalidades mais populares de compra de motocicletas. Se você está em dúvida sobre quais as diferenças entre essas formas de pagamento e deseja saber qual a melhor escolha para o seu bolso, confira nosso artigo.

Separamos as principais informações sobre o funcionamento desses tipos de compra e as organizamos de maneira comparativa neste artigo, para que não reste nenhuma dúvida! Vamos lá?

Como funciona o consórcio de moto?

Depois de decidir qual modelo de moto você deseja comprar, com base no valor, você deverá simular seu consórcio para estimar o procedimento. Em seguida, você comprará uma cota em um grupo de consórcio, que será gerenciado por uma administradora de consórcios.

Você pagará mensalmente suas parcelas ao longo do prazo, que costuma variar dependendo da administradora. E esta realizará assembleias regularmente. Nas assembleias, os consorciados começam a ser contemplados por meio de sorteio. Há também a possibilidade de fazer lances para conseguir a carta de crédito mais rápido.

Quando sua carta for contemplada, você receberá o valor (que não será entregue a você em espécie) da carta e poderá comprar a moto que desejar, contanto que esteja dentro do valor da carta.

Se você quiser comprar uma moto mais cara do que seu crédito, deverá completar o valor. Não há restrição quanto ao modelo, porque você escolhe o consórcio por segmento.

Depois, você deverá continuar pagando as parcelas até o final do seu consórcio de moto.

E o financiamento?

Nessa modalidade, você realizará o pagamento parcelado para o banco ou concessionária escolhida. Dessa forma, você pode até da loja já com a moto, mas pagará por taxas de juros até o final do financiamento, o que pode aumentar consideravelmente o valor do veículo.

Além disso, na maioria dos casos, também é cobrado um valor de entrada. E, por fim, devemos mencionar que antes de qualquer coisa, será realizada uma análise de crédito, a fim de confirmar que você realmente pode pagar o valor das parcelas.

Como funciona a correção do valor da carta de crédito dos consórcios?

Quais são as principais diferenças entre as duas modalidades de compra?

Algumas diferenças entre as duas modalidades de compra nos permitem afirmar que, na maioria dos casos, o consórcio se mostra mais proveitoso para o comprador. Começando pelo valor de entrada. Que é necessário no caso do financiamento, mas não no do consórcio. Isso mesmo! No consórcio você não precisa desembolsar um valor de entrada.

Além disso, uma outra diferença bastante relevante diz respeito às taxas de juros. Enquanto o consórcio não tem taxa de juros, o financiamento tem e as taxas são bastante elevadas. No entanto, o consórcio tem taxa administrativa cobrada pela administradora para formar um fundo de reserva do grupo e também pelo serviço prestado para o grupo.

Vale mencionar que a taxa do consórcio de moto é diluída nas parcelas e é bastante inferior à do financiamento.

Quanto aos prazos… No consórcio, você só poderá comprar sua moto quando for contemplado, o que pode acontecer muito rápido ou mais devagar. Depende dos lances que você ofertar e do prazo.

Entretanto, mesmo que no financiamento você saia da concessionária com a sua moto, o tempo necessário para acumular o valor de entrada pode tornar o processo de compra bem mais demorado.

Consórcios: 7 Curiosidades que Você Precisa Saber   

Então qual a melhor escolha?

Essa pergunta só você pode responder! No entanto, depois de ler este artigo você deve ter reparado que o consórcio de moto apresenta algumas vantagens que o financiamento não garante (sem juros, sem entrada).

Por fim, também é válido mencionar que se você optar pelo consórcio e já tiver uma moto, poderá vendê-la e usar o valor como lance para tentar adiantar a contemplação da sua carta.

Pesquise e mantenha-se informado, essa é a melhor pedida para saber qual a melhor escolha para o seu bolso.

Restou alguma dúvida? Deixe seu comentário!

 

COMPARTILHAR
Artigo anteriorVale a pena usar o Consórcio como Investimento?
Próximo artigoO Fim da Aposentadoria
Co-fundador da List Consórcios, atua no mercado de financeiro há mais de 10 anos. Com grande experiência em investimentos, auxilia os seus clientes através da plataforma List a escolherem a melhor alternativa conforme as suas necessidades.